domingo, 14 de março de 2010

Ficar de novo pequenina








Olhando as crianças brincando
Comecei a pensar
Talvez quando eu era criança
Adulta eu queria ficar...


E mil lembranças
Voltam em minha mente
De quando eu era pequenina
Uma criança somente...


Muitas recordações...
Dias felizes...as emoções
E até das tristezas
Que um dia tive...


Será mesmo que aproveitei?
Será que eu valorizei?
A grandeza...a alegria...
Aquela vivência em plena folia?


Será que o adulto eu analisei?
Será que eu acreditei?
Que tudo seria melhor quando eu crescesse?
E adulta eu fiquei!


E hoje quero confessar
Que a infância me fascina...
E que eu daria tudo...
Para ficar de novo pequenina!


Este poema, talvez seja dos poemas mais bonitos que eu já li.Numa das minhas pesquisas pela net, fui descobrir este poema, do qual não sei o nome do autor.
Tenho um carinho muito especial por este poema, talvez se identifique comigo, por isso já o guardo à alguns anos.
Espero que gostem, e que vos traga boas memórias de criança.

2 comentários:

Sissamar disse...

Como eu me identifico com este poema! Realmente ser criança é tudo de bom (quando são tratadas com carinho, amor e educação)e só de pensar que eu quando era criança só pensava em ser adulta, me dá nos nervos!
Um beijo
Silvia

Xana disse...

k saudade de ser criança.....
beijo kida