quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Novo Ano 2011




Avaliando 2011,.......sei que vêm aí mais dificuldades,mas seja o que Deus quizer um bom Ano Novo 2012.
A todos os curiosos que aqui passaram o meu muito obrigada.Aqueles que já são prata da casa um abração cheio de calor


domingo, 25 de dezembro de 2011

O Natal Para Mim




Familia humilde do Norte do País e veio ate´Lisboa,a grande Cidade que pelos anos de 56 a 1960 ,trazia até Lisboa iludidos montes de pessoas muitos só com meio pão embrulhado num trapo que teria que dar até sabe-se lá.
Meu pai arranjou emprego como padeiro e um pequeno quarto, e manda vir a minha mãe,traços saloia,depressa começou a trabalhar como empregada a dias,com a minha chegada em 1960, construiram uma casa de madeira (barraca)e aí veio mais familia, o Avô,primos e até um casal morava connosco e assim seria ,mais fácil dividir as despesas.
´´E Desses Natais que lembro com grande saudade,eu e o meu papá traziamos uma pernadinha de pinheiro,andavamos na rua À procura de pratas de tabaco ou de tablete, para fazer bolinhas enfiar um agulha com linha e fazer bolinhas de Natal,o meu papá punha algodão a fingir neve.
O jantar era o celebre bacalhau com couves e comíamos rabanadas,troca de prendas numca me lembra de haver na minha casa.CLARO HOJE NADA É ASSIM.Este ano foi mais simples ,mas a minha pequenina compreendeu tudo bem, tivemos a nossa ceia e fizemos a nossa troca de presentes ,claro que alguns presentes eu mesmo confecionei e porque não?Deus seja louvado,não apareceu ninguém, mas chegaria com toda a certeza.
Eu vivo para dar e não para receber.

Pintura do Amor



Fui brindada por um desenho feito com o computador e postou no blogue delae pediu me para o ir buscar.

Obrigada querida,ficou lindo

domingo, 18 de dezembro de 2011

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Boneco De Neve

O frio nalgumas localidades já chegou e com neve, brrrrrrrrrbbbbbbbbbbbbbr







GERALMEMTE NÃO DEIXO A MANEIRA DE FAZER, MAS QUEM QUIZER SABER ALGO É SÓ PERGUNTAR ESTAS COISA UMAS INVENTO OUTRAS VEJO NA NET, TUDO O QUE FAÇO É PARA OFERECER .

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Salsicha...

Sabem que este malandreco nos ajuda muito,principalmente quem trabalha muito com computador,serve para apoiar o braço e continuar o trabalho,senão dá para brincar,também fui buscar no artemelza




sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Corujinha de Natal



Tenho uma grande amiga,colega,madrinhae por fim comadre que adora corujas e mochos,fiz um com a ajuda da Melza e um dia destes voará para junto de outros primos, tios,etc que já existem na numerosa coleção da minha querida Angelita.



sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Uma Casa Para Um Amigo



como gosto muito de artesanato este ano comecei por fazer umas coisinhas,que algumas,vão ser o sabor simbólico de Natal.
Consegui estas ideias fantásticas no artmelteza

sábado, 19 de novembro de 2011

desafio do Elcio



Meu primeiro beijo. já tive ocasião de contar aqui neste espaço a história da minha vida e em que conto o meu primeiro amor.

Amor lindo,fantástico,conto de fadas,
afinal acontecia mesmo tinha eu 13anos ,
não era só, nas brincadeiras de faz de conta,
afinal,aquele rapaz de 14 anos,inteligente,com boa figura e que fazia questão que reparace que morava ali,um dia no intervalo da escola,veio ter comigo dizendo que queria falar em particular,o recreio era o jardim de um palacete e foi perto de uma hera já muito velha que me pediu namoro,claro que aceitei,mas lembro dos calafrios e o bater forte do coração,lembro perfeitamente que os meus orgãos tilintavam como espantaespiritos,quando me beijou fiquei pior ainda subiu um calor,até que uma colega gritou ei,já tocou, eu nem tinha coragem de o olhar nos olhos,mas com o tempo isso passou, até porque esse foi o meu grande amor ....dele nada sei espero simplesmente que seja feliz,para mim ficou sempre a sensação de como seria se o nosso caminho tivesse sido junto.

Este foi um desafio proposto pelo amigo Elcio do Verseiro adoro ele escreve muito bem "Como foi o seu primeiro beijo",todos podem partecipar

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Continuando ....

Continuando a aperfeiçoar as Torre Eiffel ao gosto para quem estão destinadas

Esta talvez para uma menina de 11 anos






Esta talvez para uma senhora






Esta para quem goste de viajar





Esta para os românticos

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Oui lá lá

Tentei fazer o meu melhor ,os moldes fui busca-los a um blogue brasileiro.
"Adoro crochet,costura artesanato, fotografia,culinária,jardinagem..."

Voiloi foi o melhor que consegui..














Mais porta Lápis e Não Só

Esta caixa de skip virou caixa para guardar o papel krepe da sala da professora Ana Paula.







Estes a minha princesinha decidiu levar para a biblioteca da escola Francisco Arruda






Porta Lápis ou...

Este foi para uma colega da
minha Joaninha









segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Dia Das Bruxas



Uma terrivel e assustadora noite das bruxas umuuummmhuhuhmmmmmmmhmmummu beijocas peganhentas de baba de morcegooooooooooo.

Doçura ou travessura!

sábado, 29 de outubro de 2011

Tudo Na Boa?


Que dia belo está diz a
Raposa ao André
vamos tomar um chá
na esplanada do zé

O chá já o tomamos
a bolachinha também
vou pedir papel e carta,
para agradecer á tua mae



E lá foram as três felizes e abraçadas

E eu de bolacha na boca
Calcei os chinelos e fui atrás deles

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

O Anjo da Casa



Tenho dias que fico surpreendida com pequenos gestos de grande sensibilidade e aí é fácil de perceber certas perguntas que uma menina de 11anos começa a fazer e certas revoltas que começa a ter.
Numa aula de educação visual e tecnológica enquanto todos estavam empenhados no trabalho que tinha sido proposto um CD ia rodando no seu leitor um poema, para dar vida a uma aula em que já é suposto criar,porém a minha filha começou a ouvir o poema que gostou e pediu se o podia ouvir para reescrever, e dedicar-mo a mim.

Era uma vez um País
na ponta do fim do Mundo
onde o mar não tinha eco
onde o Céu não tinha fundo
onde longe longe longe
mais longe que a ventania
mais longe que a flor da sombra
ou da flor da maresia
em sete lagos de pedra
sete castelos de nuvens
em sete cristais de gelo
uma princesa vivia


Era uma vez um País
na ponta do fim do Mundo
onde o mar não tinha eco
onde o Céu não tinha fundo
onde longe longe longe
mais longe que a luz do dia
com a sua coroa de abetos
e seus anéis de silêncio
suas sandálias de tempo
seu tear de nostalgia
uma princesa tecia
o seu tapete de espanto
no fio de fantasia
do seu casulo de encanto.


de: Ary dos Santos

Não resisti a tamanha sensibilidade e a tanta beleza interior,tinha que partilhar.
Obrigada meu Anjo

domingo, 9 de outubro de 2011

Belezas da Dona .Aranha



foi o trabalho da dona aranha que vive na minha laranjeira, e que teimou em fazer este lindo trabalho no meu humilde estendal.
Perante tamanha maravilha tentei tudo por tudo, conseguir uma imagem que definisse a qualidade e a beleza do trabalho desta tecedeira.

(coloquei um saco preto para se ver melhor se ampliar a imagem vê melhor)

terça-feira, 4 de outubro de 2011

E Esta Hem?



É depois digam que sou marota ...eu? tadinha de mim...euzinha nã,nã.
Eu comprei esta raridade bem perto do Entroncamento, mas qui çá não serão de lá?
Do Entroncamento ou não eu comprei no Lidl da Chamusca.

Que belo exemplar

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Obras rima com...Cobras





Apresento a minha luxuosa (vivenda)cabana de luxo na Aldeia do Arripiado Freguesia da Carregueira Concelho da Chamusca Distrito de Santarém,o carro não vai à porta porque não tem estrada, tenho uma a 130 metros, mas o terreno não é meu, não tenho luz elétrica mas tenho iluminação publica a 130 metros, mas o terreno não é meu, no entanto a cerca de 200metros existe terreno da camâra municipal Da Chamusca a QUEM JÁ PEDI AUXILIO PARA A ILUMINAÇÃO E À JUNTA PARA A ESTRADA e até agora nada. Mas isto vem à razão para explicar que aquela casa passa a vida em obras por causa dos acessos pois é dificil levar para lá o material e de inverno como temos que andar por carreiros se está muito mau tempo não podemos ir pois é complicado levar a minha mãe.
Este ano fizemos obras no telhado e reboco nas frentes,ora isso é motivo de muito pó, e pó dá limpeza e foi o que aconteceu.
Depois de quase tudo limpo faltava lavar dias redes de pesca que tenho estendidas na parede da sala a formar um véu .
1º Passo era retira-las da parede, tarefa que cumpri sem dificuldade.
2º Passo arranjei um alguidar grande com água e detergente.
3º Passo comecei a mergulhar as redes na água, mas chegou a um ponto que a rede não mergulhava,ficava rija e não seguia para baixo de água e eu voltei a insistir e a rede não cedia...que raio se passa -pensava eu enquanto puxava a rede para fora para ver o que era... ao mesmo tempo que olhava uma mangueira?????????????-mas que raio+~º.,que foi que me pÔs aqui uma mangueira?????????-
---Conforme começo a tentar desembaraçar a suposta mangueira das malhas da rede*?0=8&++"@Ó DIABO espinhas? uma mangueira com espinhas?CCCOOOOOOOOBBBRRAAA''!!!!!!!!!!!!!!!!
Nem queria acreditar era mesmo uma cobra seca inteirinha que ficou presa na rede,fiquei tão incomodada e a minha mãe só pedia: tira isso daqui tira isso daqui,
Que acabei por me esquecer de tirar uma foto para mostrar à abobrinha que não é só ela que tem visitas de animais sem serem convidados eu até tenho animais para lhes fazer o funeral, e esta hem!

domingo, 25 de setembro de 2011

Minha Terra Meu Amor...Arripiado

Um lindo Jardim...O meu Arripiado
Este ano as férias foram mesmo por lá, aliás eu adoro, só não gosto da parte de continuar sem uma estrada e sem elétricidade, já pedi ajuda ao Sr. presidente da Camara da Chamusca e ao Sr. presidente da Junta de Freguesia da Carregueira, que é quem trata dos assuntos do Arripiado e até agora nada.
Acho que já mereço algo, pois passo a vida a carregar coisas e começo a ficar sem forças e já não é a primeira vez que caio, e cada vez pior com a fibromialgia não suporto pesos e depois estou sempre com medo , pois a minha mãe tem Alzheimer, se acontece algo não passa lá uma ambulância, enfim...aguardo vai para 30 anos, não sei quanto mais tempo terei de aguardar. Bom mas enquanto estamos nos entretantos fiquem com algumas imagens e se puderem visitem tem muito para escolher.(Arripiado, Chamusca, Tancos,Golegã,Constância,Ulme...)



Zona onde existe fogareiros para fazer grelhados.



Na Aldeia do Arripiado as casas estão sempre branquinhas, com flores, e tem luz elétrica.




Casas com lindos paineis de azuleijos



Lago com repuxo ao longe avistamos Tancos



Zona de W.C.




O Arripiado é considerada a Aldeia do Tejo- escultura de um barco



O Arripiado é considerada a Aldeia do Tejo- escultura peixes



O Castelo de Almourol- o nosso cartão de visita




O Rio Tejo



O Rio Tejo



O Rio Tejo Lindo, fantástico,envolvente...




Apesar de tudo adoro comtemplar um por do sol tão doce e romântico como só existe lá.




... E adoro ficar a olhar a Lua e o Céu estrelado do Arripiado