sábado, 28 de abril de 2012

Audição de Violino

video
Tenho tido vários pedidos de amigas virtuais que gostavam de ver e ouvir a minha Joaninha a tocar Violino. Ora aqui está ela na sua 3ªAudição no passado dia 27 de abril,no final estava super feliz, correu muito bem.

sexta-feira, 27 de abril de 2012

A Mascote do Agrupamento

Andei pela net à procura de moldes de esquilos, encontrei este em chinês o molde teve de ser ampliado,o esquilo ficou assim,estou a fazer mais de diferentes cores, depois mostro.

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Pinturas

Um dia destes acordei com apetite de mexer nos pinceis, mãos à obra e o resultado foi este...

 Estão os dois no meu quarto...mas entretanto houve um pedido e tive de pintar outro das pétalas mais redondas.

terça-feira, 24 de abril de 2012

Fantoches-Camponeses



Fantoches feitos pela minha filha para a aula de História e Geografia de Portugal ,para recriar uma cena dos camponeses no final do Séc. XIX.

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Um Dia Com o Avô Benjamim



A meio das férias de verão,duas irmãs gémeas chamadas Rita e Madalena decidiram telefonar a convidar o seu avô Benjamim,para ir lá passar o dia.O avô aceitou,mas antes perguntou-lhes se não ia haver partidas.Juraram-lhe que não.
Quinze minutos depois,lá estava ele a tocar à campainha como se não houvesse amanhã.
Contou-lhes algumas histórias que já conheciam e que já tinham ouvido vezes e vezes sem conta,mas quando é ele a contar parece que as histórias se transformam e ficam diferentes de todas as outras.
Mas no meio disso tudo, houve uma que lhes despertou curiosidade,pois ele acabara de falar num MAPA e de um TESOURO.Disse-lhes também,que o começo do caminho para a descoberta do tesouro estava lá em casa (estava a referir-se ao mapa). Ambas olharam uma para a outra e foram em direção ao sótão. Após explorarem o material velho lá existente depararam-se com um quadro pendurado e verificaram que nas suas costas se encontrava um velho mapa.Decidiram seguir o caminho passo a passo.
Foram dar ao seu jardim. Afastaram o tapete de relva falsa e deparam-se com um grande X desenhado no chão.A Rita e a Madalena começaram a cavar e meia hora depois, encontraram um objeto. Era uma caixa.Abriram-na com um "clip" pois não tinham chave para a abrir. No interior encontraram fotografias delas com o avô e moedas de chocolate. O avô começou-se a rir dizendo:
-Desta vez fui eu que vos apanhei!!!

Este foi um texto proposto para a disciplina de Língua Portuguesa e inventado pela Joana Margarida e vai ser exposto no dia da "escola aberta".
A fotografia foi retirada da net

domingo, 15 de abril de 2012

Desencantamento-Blogagem coletiva



O encantamento começou e continuou...
Depois de saber a que família pertencia eu sentia-me mais à vontade e o meu amor continuava a crescer, embora em silêncio.
Até que um dia fui pedida em namoro,bom foi um momento mágico e vivi momentos únicos,afinal era correspondida,parecia um sonho.
Mas o meu sonho pouco tempo durou,pois um dia no recreio da escola decidiu abrir o jogo e dizer que não gostava de mim, aproximou-se porque tinha feito uma aposta, mas começava a achar que eu não merecia essa atitude por parte dele,poderíamos ficar amigos...blá...blá...blá.
Meu encantamento virou Desencantamento,fiquei fria,incrédula,capaz de chorar e me enfiar num buraco qualquer,porém cresceu uma força dentro de mim que com ar disfarçado claro,disse firmemente que não fazia amizades com pessoas que brincavam com os sentimentos dos outros e de nariz empinado virei costas e a partir desse dia evitava estar onde ele estivesse,inclusive pedi aos professores para mudar de lugar,pois éramos companheiros de carteira, pedido que não consegui,mas ignorava a pessoa completamente,embora o meu amor por ele continuasse...

Isto é a 2ª fase da minha participação do desafio do blogue Espiritualidade

sábado, 14 de abril de 2012

Um Dia Para Glórinha de Lion-Blogagem Coletiva



Um super gelado para ti,Glórinha



Para ti,que partiste cedo demais,e deixas-te em cada canto do MUNDO o vazio da tua simpatia,sabedoria e coragem.

Glórinha, mulher de fibra,serena,com uma voz cheia de amor e calma.

Nunca vou esquecer tua voz, teu sorriso.

Amiga descansa em paz.

Um grande abraço e beijos para ti e para todos que tal como eu já sentimos a tua falta e muitas, muitas saudades.

Ficarás sempre no meu coração.

quinta-feira, 12 de abril de 2012

Aniversário



Cá está, o 12 de abril,a marcar e cada vez mais, o dia em que nasci...
Cada ano que passa fico mais nostálgica...

sexta-feira, 6 de abril de 2012

Concerto no C.C.B.









A felicidade por tudo lhe ter corrido bem






No passado dia 25 de março ,apesar de estar pelo primeiro ano a estudar música e aprender a tocar violino, foi com bastante orgulho que vi a minha Joaninha subir ao palco do Centro Cultural de Belém acompanhada de colegas mais pequenos e outros maiores,mas com muito talento,a maior parte já tem muitos anos de aprendizagem.
Lamento não ter fotos do evento,mas não foi permitido tirar fotos nem filmar,e sabendo que havia profissionais a fazer reportagem tanto dos ensaios como do concerto fiquei descansada.
A Academia já nos enviou o espaço para consultar os 5 álbuns feitos da reportagem fotográfica e para podermos escolher as fotos pretendidas,depois de ter feito a consulta, fiquei incrédula, da Joana existe uma única foto em que por azar não está nada favorecida.
Lição a pensar: Será que no próximo evento, faço como vi vários familiares fazerem,ignorar os avisos que são feitos?
Ainda bem que cá fora depois do concerto deu para fotografar a felicidade dela.

Flores Silvestres e Outras



Os meus Liríos,este ano apliquei Hortencias vamos ver se tenho sorte, parece que pegaram.



Rosa da minha Roseira



Flores Silvestres













quinta-feira, 5 de abril de 2012

Noticias Fresquinhas

O nosso cantinho e nossa nova grande paixão,Ventoínha.



A vista da minha casa para Tancos,Consegue-se ver postes de luz e uma estrada que serve duas casas uma delas era um barranco ,e agora tem várias casa germinadas, que inveja, no bom sentido claro,eu alem de ter de trazer tudo à mão ainda tenho que levar o carrego do lixo.



Rio Tejo visto da ponte da Chamusca.


Caminho que temos de fazer depois de estacionar o automóvel.


Bom tive ausente uns dias pois fui até ao Arripiado, pensando que tivesse novidades sobre uma nova "estrada" ou acesso para que o meu carro chegasse o mais perto possível da minha casinha rural e com a estrada a vinda da eletricidade,mas para desespero meu, os arruamentos que a Câmara falava no facebok que havia no Arripiado não eram para mim.
Começo a achar ao fim de trinta e poucos anos que nunca terei acesso nem luz sendo que tenho estrada e luz a menos de 150 metros de minha casa ,mas os terrenos são particulares,embora saiba que bem perto existem terrenos da Câmara.
Com este problema fico impedida de participar nos eventos da terra e arredores, isto porque se tiver de regressar muito de noite corro risco de cair nas silvas que partilham a margem do carreiro por onde passamos,depois não posso andar com uma pessoa de 77anos que se arrasta em canadianas,e tem demência.
Bom esperemos que algo de bom se resolva nosso favor,vou dando noticias.
Mal cheguei tive noticia de que a "nossa" Ventoínha tinha estado doente, mas a D.Maria, cheia de cuidados tratou dela e a veterinária também.
Fiquei com pena de saber que a associação Arripiadense voltou a estar mais tempo fechada,eu pelo menos nem consegui pagar as quotas,o rancho já se perdeu e pelos vistos,vamos voltar a perder este espaço de convívio.
O café da esplanada fechou.
Artesanato,deixou de haver à venda, só existe placas a dar conta dessa existência.
O rio Tejo até dá pena, qualquer dia atravessamos a pé para Tancos.
Os meus vizinhos ao lado resolveram fazer obras no telhado,ficou lindo.
Esperando e fazendo votos que o Arripiado sobreviva à crise,porque está sempre no meu coração.