domingo, 22 de janeiro de 2017

# 52 semanas de Gratidão


                                                                III Semana           
 Um Pai Cinco Estrelas

                                                                      
                                                                            
                                                                                                                                                             
Foi a 29 de Março que minha vida se alterou e que me senti orfeão apesar de já ter constituído família e ser avó .

Ao inicio parece que estava adormecida ,preocupei-me com minha mãe, pois tinha acabado de perder o companheiro de uma vida.

 Passados um ano comecei a ter consciência que o meu querido Papá tinha partido de vez e não tinha como voltar e comecei a entrar em depressão, não mais podíamos reviver as pescarias de Domingo, as boleias às cavalitas, os petiscos no quintal, passeios ao Barreiro, idas à Serra para escolhermos o melhor galho para fazermos juntos a nossa árvore de Natal e rirmos os dois das nossas idas à praça quando não conseguíamos pescar peixe e assim fugia às fúrias de minha mãe para comigo.
A pouco e pouco apoderou-se de mim umas saudades de falar com ele de ouvir o timbre de sua doce voz e comecei a pensar em pôr fim à vida eu irei com toda a certeza ter com ele, afinal de contas só ele me compreendia, comecei  a interiorizar  a  possibilidade  de estar com ele e comecei ate´mesmo a ficar obcecada de tal maneira que nem ponderei a minha falta junto dos meus filhos, esposo e mãe.
Aí um dia resolvi pôr termo à vida quando tomei consciência estava na cama de um hospital.
A partir daí não mais fui a mesma pessoa ainda hoje sou acompanhada por uma psiquiatra, estou melhor se bem que continuo com muitas saudades. Sinto uma enorme gratidão para com Deus e o meu Anjo da Guarda por me proteger e entregar-me novamente à Vida e aos meus familiares,no entanto não há dia nenhum que não lembre do meu querido Papá.Gratidão por Seres o meu Papá Querido.

2 comentários:

Roselia Bezerra disse...

Boa Noite, qureida amiga do meu coração Xunanandinha!
Menina, olha só, acompanhar de novo seu processo de deprê e a volta que já deu por cima de tudo isso é uma gratidão imensa que sinto ao nosso Deus de Bondade que não a levou antes da hora....
Quanta falta faria a muitos de nós, querida!
Sua filhinha linda sem vc, seu esposo e filhos, coitados pois todos a amamos muito!
Meu pai amado me deixou enorme saudade tamém, como bem o sabe...
Mas, eles estão super bem pois foram bons e nos deram amor de mãe...
Temos também esse ponto em comum: um pai amigo e inesquecível, minha irmã!
Fique com Deus cuja Presença já nos dá Força necessária para superar qualquer obstáculo, querida.
Recebe meu abraço bem apertado de quem lhe tem por uma das melhores amigas e sei que sabe que é sincero e recíproco...
Bjm muito fraternal

✿ chica disse...

Puxa,Xunandinha!Tens mesmo só que agradecer por teres ganho nova oportunidade de viver...E as saudades são grandes, mas teu pai não gostaria de te ver triste!Graças à Deus, tudo acabou bem! bjs praianos,chica