quarta-feira, 12 de outubro de 2011

O Anjo da Casa



Tenho dias que fico surpreendida com pequenos gestos de grande sensibilidade e aí é fácil de perceber certas perguntas que uma menina de 11anos começa a fazer e certas revoltas que começa a ter.
Numa aula de educação visual e tecnológica enquanto todos estavam empenhados no trabalho que tinha sido proposto um CD ia rodando no seu leitor um poema, para dar vida a uma aula em que já é suposto criar,porém a minha filha começou a ouvir o poema que gostou e pediu se o podia ouvir para reescrever, e dedicar-mo a mim.

Era uma vez um País
na ponta do fim do Mundo
onde o mar não tinha eco
onde o Céu não tinha fundo
onde longe longe longe
mais longe que a ventania
mais longe que a flor da sombra
ou da flor da maresia
em sete lagos de pedra
sete castelos de nuvens
em sete cristais de gelo
uma princesa vivia


Era uma vez um País
na ponta do fim do Mundo
onde o mar não tinha eco
onde o Céu não tinha fundo
onde longe longe longe
mais longe que a luz do dia
com a sua coroa de abetos
e seus anéis de silêncio
suas sandálias de tempo
seu tear de nostalgia
uma princesa tecia
o seu tapete de espanto
no fio de fantasia
do seu casulo de encanto.


de: Ary dos Santos

Não resisti a tamanha sensibilidade e a tanta beleza interior,tinha que partilhar.
Obrigada meu Anjo

17 comentários:

angela disse...

Muito lindo o poema e entendo sua alegria com a sensibilidade de seu anjo.
beijos

Orvalho do Céu disse...

Querida
Castelo, príncipe e princesa... tudo cheio de encantamentio... Lindo!!!
Bjm de paz

Orvalho do Céu disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
APO (Bem-Trapilho) disse...

olá querida amiga!
Muito bonito este poema.
E muito obrigada pela simpática visita e por partilhares este momento tão especial comigo. Desculpa a demora em vir aqui, mas o tempo têm-me fugido por entre os dedos. Mas mais vale tarde do que nunca, não é? E cá estou para te agradecer o carinho.
Ainda não sei se é menino ou menina. Espero em breve saber e direi lá no blog. Vai aparecendo amgia!
Mil bjos :)

Lau disse...

Ah, mas que gesto mais lindo, me emocionou!
Imagina que o Ví também é um "doce" menino, vive me fazendo essas surpresas, simples... mas tão significativas p/ nós, mães!
Parabéns pela filhota!
BjO, uma doce semana p/ vc!

Socorro Melo disse...

Oi, Xunandinha!

E quem resistiria, amiga? Sua filha é uma poetinha, e vai surpreendê-la muito mais, e de forma intensa...

Adorei o poema do Ary dos Santos.


Grande abraço
Socorro Melo

Elcio Tuiribepi disse...

Crianças são anjos sim....carregam dentro de si a inocência
Creio que ela conseguiu atingir o objetivo dela...te sensibilizar, te emocionar
Aqui no Brasil existe uma campanha qu é assim: " Gentileza gera gentileza" Isso que sua filha fez poderia ser chamado de:
Amor gera ternura, que gera afeto, que gera amor...que gera emoção, que gera partilha e que lembra uma palavra que inventei: GENTURA

Um abraço na alma

Beijo

Luli Alves disse...

Oi !
Nossa as datas as vezes mudam.. cada canto..
Adorei as fotos do Rio tejo..
Bjs
Luli

ROSE disse...

Olá Xunandinha!

Lindo o poema... que amor!!!
Parabéns para mãe e filha!

Quero agradecer sua visita e dizer,
volte sempre!

Bjs
Rose

M. Céu Fernandes disse...

Olá querida.
Que lindo!
Aproveito para desejar um bom fim de semana.
Bjs,
M. Céu
http://coisasgirasmcf.blogspot.com/

APO (Bem-Trapilho) disse...

olá amiga! tudo bem?
pois a M. está toda contente, embora contenha a sua ansiedade muito bem. tem muito com que se distrair.
ahhh e tenho grandes notícias lá pelo bom feeling. Aparece!!! :)
bjokas doces

✿ chica disse...

Precisamos de coisas assim cheias de sensibilidade como esse anjinho da casa... Obrigado por compartilhar...beijos,chica

Irina disse...

Lindo poema =)

Mil pétalas...

APO (Bem-Trapilho) disse...

olá amiga!
Como já viste lá no meu blog, eu estou numa fase particularmente feliz da minha vida. E fico ainda mais feliz com presenças carinhosas como a tua. Muito obrigada por isso!
um bjinho muito grande!

Lau disse...

Maria querida, a Alice me traz mesmo muitas alegrias, ela é um doce de gatinha, muito carinhosa!
Anda atrás de mim o tempo todo =)
Muito obrigada pelo carinho!
Bjinhus no coração!

Elcio Tuiribepi disse...

Oi amiga...

To aqui retribuindo e relendo...
Quanto a postagem lá...a violencia e também o vicio...estamos bolando um outro projeto qu fala sobre esee problema na adolescencia at´[e chegar na idade adulta...o problema é sério...
Obrigado pela presença lá no Verseiro
Um abraço na alma
Bjo...e beijinho na anjinha ai...rs

NATÉRCIA disse...

Olá minha querida!
Obrigada pelas tuas visitas lá no meu tacho, e obrigada também por o teu cantinho que é um verdadeiro mimo os anjos são assim mesmo os meus já são grandes mas nunca deixam de ser pequenos para as mães!
Sabes eu também gosto muito da Ana no inicio dos nossos blogos e ainda hoje ela brinca muito comigo e eu com ela não repares que não sei escrever como ela por isso não sou professora faço como sei e a mais não sou obrigada...gostei muito de vir aqui e como acho o mundo tão pequeno vi aqui pessoas que são amigas dos meus amigos...um beijinho muito grande e um bom domingo.