terça-feira, 30 de março de 2010

Em frente ao espelho





Estando numa de deitar papeis no "lixo" descobri este poema nos apontamentos da minha Joaninha.
Claro que o li e claro embora não saiba,quem é o autor,e qual a fonte de pesquisa,não resisti a dividir convosco um poema tão lindo,e que de certa maneira alguns vão reviver brincadeiras que já vão longe.


O meu quarto, é só meu
Ninguém entra no meu Mundo


Fecho os olhos
Sou a estrela
Mudo tudo num segundo


Tenho a idade que quiser
Faço o que me apetecer


E enfrente ao espelho
Os meus sonhos são reais
Sou cantora, sou actriz e muito mais
Tenho asas para voar
Chego onde eu quiser chegar


O meu quarto
É o meu Mundo
Sou uma nuvem no meu céu


Tomo a forma que quiser
Neste espaço que é só meu


Tenho tempo para viver
E os amigos que escolher


E enfrente ao espelho
Os meus sonhos são reais
Sou cantora, sou actriz e muito mais
Tenho asas para voar
Chego onde eu quiser chegar

Autor-Desconhecido


1 de Abril

No passado dia 1 de Abril dei a conhecer a amigos e conhecidos  que estava em Marraquexe por pouco tempo e como não tinha passaporte inven...